Home»Concursos»Inscrições abertas para curso Técnico em Agronegócio em Goiás

Inscrições abertas para curso Técnico em Agronegócio em Goiás

0
Shares
Pinterest Google+ Whatsapp

Estão abertas as inscrições para o curso Técnico em Agronegócio, oferecido pelo Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar Goiás). O curso é gratuito e o candidato precisa ter concluído o ensino médio. Os polos presenciais que estão com vagas disponíveis para o segundo semestre de 2017 são os municípios de Goiânia, Rio Verde, Itumbiara, Cristalina e Alexânia. Os interessados em participar do processo seletivo podem se inscrever por meio do site http://etec.senar.org.br/. Mais informações sobre o edital também podem ser obtidas pelo site.

A proposta do curso é formar profissionais habilitados na aplicação de procedimentos de gestão e de comercialização do agronegócio, visando os diferentes segmentos e cadeias produtivas da agropecuária brasileira. É desenvolvido através do programa Rede e-Tec Brasil no Senar, com carga horária total de 1.230 horas, distribuídas em dois anos – quatro semestres – no formato semipresencial, ou seja, 80% da carga horária a distância e 20% presencial no polo. Ao final do curso, o aluno recebe certificado validado pelo Ministério da Educação (MEC) e Conselho Regional de Engenharia e Agronomia.

Segundo o gerente de Educação Formal do Senar Goiás, Fernando Couto, é uma boa oportunidade para quem busca atuar no setor que mais gera emprego no país. “O curso visa contribuir com a formação e a profissionalização das pessoas do meio rural e, consequentemente, aumentar a rentabilidade dos seus negócios e garantir a sustentabilidade do meio ambiente. A procura pelos cursos é extremamente positiva. Uma grande vantagem para quem faz o curso técnico é conseguir chegar no mercado de trabalho mais cedo”, esclarece.

Para Couto, o mercado está aberto aos profissionais que possuem conhecimento técnico, um perfil valorizado e em falta no país. “O profissional poderá trabalhar em propriedades rurais, empresas de pesquisa e fomento, indústrias, federações, associações, sindicatos, além de adquirir conhecimento para administrar o próprio negócio”, ressalta.

Metodologia
O curso técnico em agronegócio é oferecido pelo Senar Central, em parceria com Senar Goiás, e realizado pelo programa Rede e-Tec do Ministério da Educação (MEC). A capacitação é destinada especialmente aos produtores rurais, seus familiares ou qualquer pessoa que tenha interesse em atuar com o agronegócio. Desde 2015, o Senar Goiás formou 13 turmas do curso técnico em agronegócio no estado de Goiás. Segundo Fernando Couto, a quantidade de vagas disponibilizadas no Estado a cada processo seletivo, é de acordo com a oferta e gestão do MEC.

Diferencial de mercado
O presidente do Sindicato Rural (SR) de Anápolis, Pedro Olímpio, de 56 anos, trabalha com atividade leiteira. Ele participou do curso Técnico em Agronegócio e acredita que o conhecimento adquirido é diferencial na administração do próprio negócio. “O que mais me chamou atenção foi o fato do curso ser a distância. O conteúdo teórico foi bem consistente e poderá ser aplicado diariamente em minha propriedade. Quero colocar em prática toda a teoria. Durante o curso fizemos muitas pesquisas e trabalhos, uma junção perfeita. Acredito que os próximos cursos oferecidos serão ainda melhores”, ressalta. Já Carine Bueno Pessoa, que também concluiu o curso Técnico em Agronegócio, destaca a qualidade do material didático e a proposta pedagógica do curso. Para ela, o mercado do agronegócio está aberto para novas oportunidades, por isso, acredita que poderá aproveitar ao máximo o conhecimento adquirido.

Quantidade de vagas em Goiás

Polo de Goiânia – 40 vagas
Polo de Cristalina – 30 vagas
Polo de Itumbiara – 30 vagas
Polo de Rio Verde – 30 vagas
Polo de Alexânia – 40 vagas

.

Newsletter do Jornal Diário do Estado – Assine já!


Comente a vontade