1
Shares
Pinterest Google+ Whatsapp

Uma operação realizada na BR-153, em Aparecida de Goiânia, na manhã desta quarta-feira (18), investiga esquemas ilegais praticados pelo sistema de transporte rodoviário de cargas. A ação é realizada em conjunto pela Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT), Receita Estadual, Polícia Militar, Civil e Rodoviária.

A operação foca, principalmente, na autuação de carta-frete, que é uma modalidade de pagamento em que transportadoras oferecem ilegalmente aos caminhoneiros autônomos. A informalidade e a circulação destes valores por fora do sistema financeiro impedem a fiscalização, a arrecadação de impostos, a comprovação de renda do Autônomo e consequentemente a renovação da frota, sendo a carta-frete considerada ilegal desde 2010.