Home»Esportes»Walter aceita reduzir salário para jogar no Vila Nova

Diante disso, clube vai buscar parceiros e tentar viabilizar negócio

0
Shares
Pinterest Google+ Whatsapp

O clube vai tentar convencer esses parceiros que o retorno será grande em termos de marketing e visibilidade

Depois da reunião entre Walter e Ecival Martins, presidente do Vila Nova, manteve-se o flerte entre as partes. O atacante aceita a “drástica” redução salarial para jogar no Tigre. Diante disso, o clube vai em busca de parceiros para tentar viabilizar o negócio.

Apesar de Walter topar receber menos, os valores ainda são considerados muito altos para a realidade do Vila. No Atlético Goianiense, por exemplo, o atacante ganhava cerca de 150 mil por mês e a média salarial do Tigre não chega a um terço disso.

A diretoria colorada tem expectativa de conseguir investidores para bancar a contratação de Walter. O clube vai tentar convencer esses parceiros que o retorno será grande em termos de marketing e visibilidade.

Liberação

Além disso, o Tigrão precisa também da liberação do Porto, clube com quem o atacante de 28 anos tem contrato até o fim de 2019. Há algum tempo fora dos planos do time português, o próprio Walter considera que não vai ser difícil ser emprestado novamente.

O jogador que tem passagens por Goiás e Atlético Goianiense, teria no Vila Nova seu terceiro clube em Goiânia. Seu melhor momento foi no Alviverde, em 2013. Em 2017, o atacante teve desempenho discreto no Dragão, com apenas cinco gols em 25 partidas disputadas.

Newsletter do Jornal Diário do Estado – Assine já!


Comente a vontade