10 curiosidades sobre o Cristo Redentor

Confira a lista com curiosidades e fatos interessantes que você provavelmente ainda não sabe sobre o Cristo Redentor

Um dos principais cartões-postais do Rio de Janeiro, o Cristo Redentor comemorou no último dia 12 de outubro seu 90 aniversário. O monumento, que recebe cerca de 2 milhões de turistas por ano, está localizado no Parque Nacional da Tijuca e foi eleito uma das Sete Maravilhas do Mundo Moderno em 2007. Trata-se de uma estátua art déco que retrata Jesus Cristo, localizada no topo do morro do Corcovado, a 709 metros acima do nível do mar, com vista para a maior parte da cidade do Rio de Janeiro. Em 2012, a UNESCO considerou o monumento como parte da paisagem do Rio de Janeiro incluída na lista de Patrimônios da Humanidade. Confira abaixo uma lista com 10 curiosidades e fatos interessantes sobre o Cristo Redentor.

10. O Cristo Redentor é a maior estátua no estilo Art Déco do mundo. Tem 30 metros de altura, além dos 8 metros do pedestal. Mede 28 metros de uma mão à outra e pesa 1.145 toneladas. O monumento fica no topo do Morro do Corcovado, 710 metros acima do nível do mar.

• Compartilhe essa notícia no Whatsapp• Compartilhe essa notícia no Telegram

9. A estátua foi concebida pelo engenheiro brasileiro Heitor da Silva Costa, mas foi construída na França pelo escultor francês Paul Landowski, porque acreditavam que os brasileiros não tinham experiência para uma obra desse porte.

8. O Cristo Redentor possui um coração visível no lado externo e interno. Localizado no 9º andar do monumento, o coração feito em pedra sabão o mesmo material do exterior da estatua, possui seu interior oco e guarda uma garrafa com o nome das famílias  dos operários que trabalharam em sua construção.

7. A estátua levou nove anos para ser inaugurada – cinco deles dedicados à construção. As obras terminaram em 1931 e foram financiadas, em grande parte, pela própria população, graças a uma campanha de arrecadação criada pelo Círculo Católico do Rio de Janeiro, em 1920. O monumento foi inaugurado dia 12 de outubro de 1931, dia de Nossa Senhora Aparecida.

6. Apesar de ser a maior obra do estilo Art-Deco, o Cristo Redentor é apenas a 5ª maior do mundo das estátuas de Jesus Cristo.

5. O engenheiro brasileiro Heitor da Silva Costa foi responsável pelo arrojado projeto arquitetônico: a estátua é capaz de aguentar ventos de até 250 km/h, o equivalente a um furacão de categoria 5. O Cristo Redentor tem estrutura concreto armado e é revestido com placas triangulares de pedra-sabão. Por dentro, a edificação é oca, com 4 pilares de sustentação, vigas diagonais e 12 lajes, ligadas por escadas.

4. O Cristo tem uma escultura similar que foi construída em Portugal, junto à foz do Rio Tejo, na margem sul, na cidade de Almada. É o Santuário Nacional de Cristo Rei e foi inaugurado em 1959, após 10 anos de construção.

3. Quem já visitou o Cristo Redentor sabe que não é possível ver seus pés, mas sim o monumento possui pés. Por de baixo do manto, os pés descalços são acessíveis através das escadarias internas ou de um trem de acesso à área interna da estatua. Os pés estão fixos ao pedestal que da base e sustentação a estrutura.

2. A estátua foi separada em diversos pedaços para ser transportada até o Brasil, as pesadas peças foram transportadas até o topo do Corcovado pelo trem, que funciona até hoje. A equipe, liderada pelo engenheiro mestre de obra Heitor Levy, contava com cerca de mil pessoas, entre operários, arquitetos e engenheiros.

1. Inicialmente o Cristo Redentor empunharia uma Cruz e um globo terrestre, mas ao invés disso ganhou braços abertos, simbolizando a proteção e o amor. De uma mão a outro a envergadura do cristo mede 30 metros, sendo que o braço direito tem cerca de 40cm a menos que o esquerdo. É possível acessar o exterior do cristo por meio de aberturas nos braços, mas essa experiência é apenas para quem tem coragem.

Tags: