PF deflagra a 39ª fase da Operação Lava Jato

A Polícia Federal (PF) deflagrou na manhã de hoje (28) a 39ª fase da Lava Jato, batizada de Operação Paralelo. Os mandados são cumpridos na cidade do Rio de Janeiro, com um pedido de prisão preventiva e cinco de busca e apreensão. As ordens judiciais foram expedidas pelo juízo da 13ª Vara Federal de Curitiba, que sob a coordenação do juiz Sérgio Moro, originou a Lava Jato.

Ainda não há informações sobre os alvos e foco dessa fase da operação. O nome da fase faz referência ao mercado clandestino de dinheiro para pagar ex- funcionários e executivos da Petrobras.

• Compartilhe essa notícia no Whatsapp• Compartilhe essa notícia no Telegram

A fase anterior da operação, deflagrada no dia 23 de fevereiro e batizada de Blackout, apura o pagamento de US$ 40 milhões de propinas durante 10 anos. Jorge Luz e o filho dele Bruno Luz são suspeitos de facilitar o pagamento de propinas.

Ainda conforme a força-tarefa da Lava Jato, entre os beneficiários, há senadores e outros políticos, além de diretores e gerentes da Petrobras.

*Com informações do G1
Tags: