Empresa procura “o nariz que vale milhões”

A fábrica de vodca Absolut, está contratando. Ela quer um provador em tempo integral para seu principal produto, mas não é qualquer um que pode ocupar a posição. Eles querem substituir Per Hermansson, conhecido no meio como “o nariz de um bilhão de dólares”.

A empresa busca alguém capaz de perceber diferenças minúsculas no sabor e no aroma entre doses de diferentes lotes da bebidas.

• Compartilhe essa notícia no Whatsapp• Compartilhe essa notícia no Telegram

Será um grande desafio para o candidato substituir seu antecessor. Per Hermansson está há 35 anos no ramo. Segundo a imprensa especializada, ele está por trás de muitos produtos da empresa – que começou na Suécia e é controlada pela multinacional francesa Pernod Ricard.

LEIA TAMBÉM

• Goiás participa de operação contra abuso de menores na Internet• Palmeiras, Fla, Ceará e Santos: noite quase perfeita para os brasileiros• Vídeo: com filho no colo, repórter faz matéria e criança “não dá sossego”


Em uma entrevista para o Business Insider, Per Hermansson afirmou que realiza 20 sessões de prova de bebidas diariamente, nas quais coloca a bebida alcoólica na boca – mas não a engole.
Hermansson diz pertencer a um grupo limitado a 5% ou 10% da população que possui um sentido de gosto e olfato extremamente desenvolvidos. A profissão de provador é mundialmente reconhecida e os poucos especialistas tem postos integrais em grandes empresas.

Bob Parker, do Estado americano do Oregon, passou décadas provando em média 10 mil vinhos por ano, segundo a revista The Atlantic. Ao escrever o Guia Bimensal Independente do Consumidor para os Bons Vinhos, ele mudou o cenário da indústria vinícola.

Tracy Allen é outro degustador mundialmente conhecido que vive em kansas City, nos Estados Unidos. Sua reputação já lhe rendeu uma incumbência papal.

Em 2015, o Vaticano entrou em contato com ele e pediu que preparasse uma mistura especial de café para o papa Francisco durante sua visita aos Estados Unidos, segundo a imprensa local.