Ainda não declarou o IR 2022? Saiba como tirar dúvidas gratuitamente em Goiânia

Quase um terço dos contribuintes ainda não enviou documento à Receita Federal faltando apenas duas semanas para encerramento do prazo. Um dos maiores erros é lançamento indevido

Declarar o Imposto de Renda (IR) é uma tarefa árdua para muita gente. Orientação ou mesmo delegação da tarefa para um especialista pode evitar muita dor de cabeça e economia para o contribuinte. Em Goiânia, algumas instituições de ensino superior oferecem serviço de tira-dúvidas para ajudar a população e também contribuir com a formação profissional dos universitários.

Na Estácio de Sá, o atendimento é gratuito. A instituição tem um Núcleo de Apoio Fiscal (NAF) no qual os interessados podem buscar esclarecimentos para evitar erros comuns, como lançamento indevido, lançamento de dependentes com renda não informada no documento, esquecer de alguma fonte de renda e pagar plano de saúde para quem não é dependente no IR. Para ser atendido, basta enviar email para [email protected]

• Compartilhe essa notícia no Whatsapp• Compartilhe essa notícia no Telegram

A coordenadora do NAF e professora do curso de Ciências Contábeis da Estácio Goiás, Johelma Galdino, explica que o desencontro ou falta de informações na declaração do IR podem resultar em malha fina, notificação, autuação e multas por parte da Receita Federal. 

LEIA TAMBÉM

• Vai pescar? Produtos apresentam variação de até 200%, em Goiânia• ‘Minha dor só não é maior do que o meu amor’, escreve Caiado sobre perda do filho• Suspeito de seis homicídios, jovem de 18 anos é preso em Goiânia

“As pessoas acham que qualquer pessoa pode fazer a declaração e acabam errando ou ocultando dados. Ela pode pagar caro pelo erro ou pelo desconhecimento. Sendo assim, declaração é para contador que está em constante treinamento e capacitação para apresentar ao Leão os dados corretos sem prejuízo ao contribuinte”, explica.

A UniAlfa também assiste a população que busca evitar problemas com a prestação de informações sobre o rendimento. Segundo a Assistente de Coordenação do Curso de Ciências Contábeis da instituição. Denise Nascimento, o “Domine o Leão” é um projeto voluntário criado há 11 anos que tem apresentado bons resultados. Para participar, basta agendar um horário pelos telefones (62) 99614.4175, (62) 9.9930.4334 ou através do site  

“As dúvidas mais recorrentes são sobre como declarar auxílio emergencial, rendas com aluguel e outras rendas provenientes de venda de imóveis. Também são frequentes as dúvidas sobre partilha de bens, por ocasião de divórcio, morte e herança. Outra dúvida comum, diz respeito a operações em criptomoedas e outros investimentos financeiros”, detalha.

A dificuldade do contribuinte com a Receita, no ponto de vista de Denise, se baseia em três motivos. O primeiro seria o medo das pessoas de declarar errado e fazer algo ilegal no IR. Em segundo lugar, a quantidade de termos técnicos que afastam grande parte dos brasileiros não-especialistas em contabilidade e, por último, a falta de conhecimento a respeito das operações envolvidas no Imposto de Renda.

Na fila

Um balanço divulgado pela Receita Federal divulgado nesta segunda (16) aponta que apenas 22,3 milhões das 34,1 milhões de declarações foram informadas. Quase 12 milhões ainda não enviaram o documento obrigatório para quem recebeu rendimentos tributáveis acima de R$ 28.559,70 no ano.

Tags: