Home»Mundo»Casal de amantes ficam presos por orgão genital
1
Shares
Pinterest Google+ Whatsapp
(62) 9 8219-1904 Fale com o Diário do Estado

Um casal de amantes parece ter feito uma “caminhada da vergonha” depois de ficarem presos um ao outro durante o sexo, precisando serem resgatados em um quarto de hotel. Os dois foram carregados pelo meio da rua para receberem ajuda, sendo recebidos por transeuntes chocados com a cena.

Ainda presos um ao outro após o sexo , o casal foi levado em uma maca de madeira. O incidente aconteceu no Quênia e, para não ser identificada, a mulher casada cobriu seu rosto com o lençol. Enquanto isso, seu amante olhava ao redor, observando a multidão.

Os dois supostamente estavam tendo um encontro quando o homem percebeu que não era capaz de se soltar de sua amante. Literalmente. Assim, ela teria começado a sentir dor e, depois de um tempo, acabaram gritando por ajuda.

Outros hóspedes do hotel tentaram ajudá-los, mas a única maneira de garantir que o casal recebesse atendimento médico era carregando os dois, ainda presos, pelas ruas.

A cena atraiu muitos curiosos, que ficaram espantados com a situação inusitada.

A mídia local especula que o incidente foi resultado de “poção para flagrar adultério”, que teria sido usada pelo marido da mulher.

A condição pode ter diferentes causas, como infecção urinária e gatilhos psicológicos.
O CASO DO QUÊNIA
Não é a primeira vez que um casal adúltero fica preso durante o ato sexual, no Quênia. Em novembro de 2016, um homem não conseguia retirar sue pênis de dentro da parceira também.

Isso teria acontecido depois de o marido da mulher ter solicitado a um médico bruxo que amaldiçoasse os órgãos genitais da moça.

Os dois transavam na casa dela enquanto o marido traído viajava a trabalho, mas acabaram ficando presos um ao outro. Sentindo dor, gritaram tão alto que chamaram a atenção dos vizinhos.

Uma multidão se formou do lado de fora da casa e o par foi carregado em cima de um lençol.

Eles foram levados ao médico bruxo que supostamente havia lançado a maldição para que ficassem presos durante o sexo.

O médico conseguiu liberar os dois, mas antes fez com que o homem pagasse uma multa pela infidelidade.

DE

Newsletter do Jornal Diário do Estado – Assine já!

Comente á vontade!