Home»Cotidiano»Ansiedade alimentar está relacionada a uma prática cultural

Em entrevista no estúdio do D.E a psicóloga Taís Gaudart explica como diagnosticar e tratar esse tipo de ansiedade

0
Shares
Pinterest Google+ Whatsapp
Psicóloga Taís Gaudart fala sobre ansiedade alimentar

Psicóloga Taís Gaudart fala sobre ansiedade alimentar

Posted by Diário Do Estado on Wednesday, June 13, 2018

Identificar esses tipos de fome poderá ajudar o paciente a procurar tratamento

Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS) o Brasil ficou em primeiro lugar no mundo, com o maior percentual de pessoas diagnosticadas com algum tipo de ansiedade. Em entrevista ao vivo no estúdio do D.E, a psicóloga Taís Gaudart explicou o que é a ansiedade alimentar. Caracterizando que existe três tipos de fome: a emocional que está relacionada a necessidade de comer para se sentir feliz em casos que a pessoa sofreu alguma decepção, por exemplo. A comportamental, trata-se de comer de acordo com horários estabelecidos, muitas vezes a pessoa deixa de comer uma refeição porque não está na ‘hora’. E a física, caracterizada pela fome biológica, ou seja, quando o estomago está vazio e o corpo precisa de energia.

Identificar esses tipos de fome poderá ajudar o paciente a procurar tratamento, Taís explica que o principal é a terapia “você só vai conseguir alcançar os seus objetivos olhando para você mesmo e se cuidando”, afirma. Outra questão abordada ao longo da entrevista foi o estresse que a correria, cobranças e a vida cotidiana provoca na pessoa. Mesmo indicando a terapia, a psicóloga ressalta que atividade física também é um fator muito importante para combater todos esses males.

Ao decorrer da entrevista Taís ainda ressalta que essa ansiedade alimentar está relacionada a uma prática cultural, já que na maioria das vezes quando estamos em datas festivas comemoramos em uma reunião com os amigos e/ou família em algum restaurante, ou em casa preparando uma comida diferente do dia a dia.

Newsletter do Jornal Diário do Estado – Assine já!

Comente á vontade!