Athletico e Bragantino se enfrentam em primeira final brasileira da Sul-Americana

Furacão e Massa Bruta decidem o título de uma das principais competições da América do Sul

Pela primeira vez na história da Copa Sul-Americana, dois times de um mesmo país se enfrentarão na decisão. No Estádio Centenário, em Montevidéu, no Uruguai, Athletico Paranaense e Red Bull Bragantino se enfrentam pela grande final do torneio continental. O confronto acontece neste sábado (20), a partir das 17h, em sistema de jogo único para decidir o título.

Caminho do Bragantino na “Sula”

O Red Bull Bragantino vai disputar a final da “Sula” de forma inédita neste fim de semana. Na edição deste ano, o Massa Bruta iniciou a sua trajetória na fase de grupos. Com uma campanha de quatro vitórias e duas derrotas, o Braga liderou o Grupo G em um total de 12 pontos, ficando à frente de Emelec, Talleres e Tolima. De acordo com o regulamento, apenas o primeiro colocado de cada chave avançaria para o mata-mata.

• Compartilhe essa notícia no Whatsapp• Compartilhe essa notícia no Telegram

Nas oitavas de final, o time paulista cruzou o caminho do Independiente Del Valle, do Equador, que levantou a taça em 2019. Jogando fora de casa, os brasileiros venceram por 2×0 na ida, empatando em 1×1 na volta e confirmando a classificação. Nas quartas, o Red Bull Bragantino travou um confronto alucinante contra o Rosario Central, triunfando na Argentina por 4×3 e ganhando no Brasil por 1×0. Nas semis, a equipe bateu duas vezes o Libertad pelos placares de 2×0 e 3×1.

Histórico do Athletico na Sul-Americana

Ao contrário dos seus compatriotas, o Athletico Paranaense possui uma certa tradição na Copa Sul-Americana. Em 2018, na última edição com decisão em ida e volta, o Furacão derrotou o Junior Barranquilla nos pênaltis para faturar o título inédito do campeonato. Antes disso, em 2006, os paranaenses tinham chegado até as semifinais, perdendo para o Pachuca, que eventualmente ficaria com o caneco daquele ano.

Em 2021, o Athletico liderou o Grupo D, com 15 pontos (cinco vitórias e uma derrota). A sua chave contava também com Melgar, Aucas e Metropolitanos. Nas oitavas, o Furacão venceu o América de Cali por 1×0 e 4×1. Já nas quartas, perdeu a ida para o LDU por 1×0, mas goleou na volta por 4×2. Então, nas semis, eliminou o Peñarol com resultados positivos de 2×1 e 2×0.

Athletico Paranaense e Red Bull Bragantino se encontram pela terceira vez na atual temporada. Nas duas primeiras, os duelos ocorreram pela Série A do Brasileirão. Em Curitiba, as equipes empataram em 2×2. Em Bragança Paulista, o Furacão triunfou por 2×0.

Tags: