Atlético-GO garante classificação antecipada e Vila tropeça na Copinha

Dragão goleou o Mauaense de virada, enquanto o Tigre perdeu para o Guarani

Os dois times goianos que entraram em campo na tarde desta sexta (7), pela Copinha de 2022, tiveram sentimentos diferentes. O Atlético goleou o Mauaense por 4×1 no Estádio Municipal Pedro Benedetti e se classificou antecipadamente para a próxima fase. Já o Vila Nova perdeu para o Guarani por 3×2 no Estádio Prefeito Alberto Víctolo. O Goiás é o próximo clube do estado a jogar. O duelo será neste sábado (8), às 15h15, contra o Botafogo-SP.

A dominância atleticana na Copinha

Na primeira rodada da Copinha, tanto o Atlético-GO quanto o Vila Nova haviam estreado com o pé direito. Desta vez, apenas o Dragão obteve o resultado positivo. O começo do jogo foi um pouco turbulento para o rubro-negro. Logo aos três minutos, Guilherme Alves fez a jogada pela linha de fundo e cruzou na área. A bola passou por todo mundo e Danilo conseguiu o desvio para abrir o placar a favor do Mauaense. O Dragão, no entanto, se recuperou aos 12, quando Jean Carlos completou de cabeça um lançamento vindo do lado esquerdo do ataque. O Atlético-GO continuou dominando as ações, mas as equipes foram para os vestiários com um empate no ar.

• Compartilhe essa notícia no Whatsapp• Compartilhe essa notícia no Telegram

O gol da virada veio aos 29 minutos do segundo tempo. A bola sobrou com Daniel, que arriscou de fora da área e acertou o ângulo, marcando um golaço em Mauá. João Lucas ampliou aos 35, recebendo passe após roubada de bola goiana. Nos acréscimos, aos 48, Diego invadiu a área para finalizar tranquilamente e fechar a goleada. Com o resultado, o Atlético-GO chegou aos seis pontos no Grupo 27 e garantiu classificação antecipada. Na próxima segunda-feira (10), às 15h15, o Dragão fecha a primeira fase diante do Mauá.

Tropeço do Vila e matemática da classificação

No jogo entre Vila Nova e Guarani, o Bugre abriu a contagem na marca dos 21 minutos, em gol de cabeça de Caio. Alê aumentou a vantagem paulista aos 15 do segundo tempo, em chute de perna esquerda no cantinho. Renan anotou o terceiro do Guarani aos 20, testando para o fundo do gol com muita liberdade. Guilherme Pires diminuiu para o Vila Nova aos 26, em bela cobrança de falta. Ele marcou novamente aos 45, incendiando a partida. Porém, já era tarde demais e assim o Tigre sofreu a sua primeira derrota nesta edição da Copa São Paulo de Futebol Júnior. Os lances do confronto podem ser acessados por meio deste link.

O revés colorado mexeu com as estruturas do Grupo 2. O Vila Nova caiu duas posições e agora está em terceiro lugar. Para se classificar, o alvirrubro precisa ganhar do Tanabi na próxima segunda (10), às 15h15. Caso o duelo termine em empate, o Tigre necessitará de uma derrota do Guarani perante o lanterna Aquidauanense. Se perder, a equipe goiana estará automaticamente eliminada da Copinha.

Tags: