Atlético-GO não resiste a xará mineiro e sofre revés diante do Galo

Dragão marca gol contra, reclama de pênalti não assinalado e continua sem vitórias no Brasileirão

Na Arena Independência, o Atlético-GO visitou o xará Atlético-MG na noite deste sábado (11). O duelo foi válido pela 6ª rodada do Campeonato Brasileiro, e o Galo conseguiu interromper uma sequência de quatro jogos sem vitórias na Série A. Com um placar de 2×0, o clube de Belo Horizonte adquiriu a reabilitação. O Dragão, por sua vez, continua sem nenhuma vitória no Brasileirão e pode terminar o fim de semana na lanterna.

Atlético-MG 2×0 Atlético-GO

O volante Marlon Freitas, capitão e um dos principais responsáveis pela classificação do Atlético-GO na Copa do Brasil, viveu uma infelicidade. Aos 13 minutos, Keno cobrou escanteio e Nathan Silva, ex-Dragão, desviou de cabeça. A bola passaria por todo mundo na área, mas acabou batendo no pé de Marlon, que anotou um gol contra.

• Compartilhe essa notícia no Whatsapp• Compartilhe essa notícia no Telegram

Aquilo desmontou toda a estratégia do técnico Umberto Louzer, pois o Atlético-GO precisou correr cedo atrás do prejuízo. Para piorar, o Galo começou a pressionar intensamente. Na marca dos 35, o goleiro Ronaldo trabalhou para impedir que o chute de Jair morresse no fundo da meta.

LEIA TAMBÉM

• Prefeitura promete novidades no transporte público ainda em 2022• Anápolis marca de pênalti, bate o Costa Rica-MS e sustenta espaço no G-4• Dragão age rápido e contrata Jorginho para substituir Umberto Louzer

Aos 42, um lance bastante polêmico. Dentro da área, a bola bateu na mão do zagueiro Junior Alonso, do Galo. De acordo com a regra, isso configuraria pênalti, exatamente o que os jogadores do Atlético-GO alegaram. O juiz não enxergou dessa forma, e assim a penalidade não foi marcada.

No segundo tempo, o Atlético-MG continuou melhor, mas sem a mesma intensidade. Ainda assim, foi capaz de chegar a mais um gol. Nacho Fernández recebeu passe e finalizou. O goleiro Ronaldo defendeu e, no rebote, Nacho serviu Hulk. O atacante bateu de primeira e não desperdiçou.

Então, tudo o que o Galo precisou fazer foi segurar o resultado. A vitória colocou a equipe mineira momentaneamente na vice-liderança do Brasileirão, atrás apenas do Corinthians. No caso do Atlético-GO, o time goiano está em 19º lugar e pode cair para último caso o Fortaleza vença o Botafogo neste domingo (15), às 18h.

Tags: