Bolsonaro demite secretário nazista

 A jornalista Miriam Leitão, em sua coluna no jornal O Globo, informa que o secretário especial da Cultura vai ser exonerado.

“A sua fala copiando trechos das declarações de Joseph Goebbels foram consideradas absurdas até no governo. A informação é de que hoje de manhã. Em análise dos fatos com assessores diretos, o presidente Jair Bolsonaro teria se decidido a afastar o secretário”, informa Miriam. 

Alvim foi alvo de diversas críticas nesta sexta-feira, acusado de fazer propaganda explícita do nazismo. 

Close