Jornal Diário do Estado

Bombeiros intensificam buscas por turista desaparecida na Chapada dos Veadeiros

Mulher, natural de Belo Horizonte, teria saído para jogar as cinzas de um animal de estimação em uma cachoeira e não voltou

Na manhã desta segunda-feira, 29, o Corpo de Bombeiros intensificaram as buscas pela turista que desapareceu na Chapada dos Veadeiros. De acordo com amigos, Simone de Carvalhos Santos, de 44 anos, saiu para jogar as cinzas de um animal de um animal de estimação em uma cachoeira, em Alto Paraíso de Goiás, e não voltou. O caso ocorreu por volta das 14 horas de domingo, 28.

Amigas e guias da região tentaram localizar a turista, que é natural de Belo Horizonte (MG), mas não conseguiram. Diante disso, acionaram o Corpo de Bombeiros que começaram as buscas às 20 horas. Já na manhã desta segunda, equipes de busca e salvamento com cães e pessoal especializado com drones foram deslocados para a região.

Turista
Buscas por turista desaparece na Chapada dos Veadeiros (Foto: Divulgação / Bombeiros)

“A informação inicial, passada por uma amiga dela que a turista teria se separado do grupo de quatro amigas, voltado à cachoeira, para jogar cinzas de um animal que ela tinha cremado, parece que um gato de estimação…. Nossa equipe passou toda a noite realizando o trabalho de buscas. Neste momento, as equipes são reforçadas por equipes de drones e cães, que acabaram de chegar ao local”, relatou o Capitão Ailton Pinheiro de Araújo.

De acordo com os bombeiros, a trilha tem menos de 2 km de extensão e não há históricos de desaparecidos.

“A Chapada dos Veadeiros, como um todo, é uma região muito ampla e vez ou outra acontece [algum acidente]. A gente não sabe o que aconteceu, mas a pessoa pode ter se machucado ou outra coisa que venha a causar essa perda de referência ou dificuldade de deslocamento”, explicou o capitão, em entrevista ao G1.