Cachorro adotado no Lar Amicão é torturado e morto a pauladas

Agressor foi autuado no Ministério Público e na Delegacia do Meio Ambiente

A pessoa que realizou a adoção de um cãozinho no Lar Amicão relatou à instituição um grave caso de tortura contra animais. Segundo a denúncia, um “parceiro de negócios” teria quebrado as pernas, enforcado e matado o animal.

O lar, que fica em Goiânia, relatou o caso à Delegacia do Meio Ambiente, que registrou o boletim no dia 3 de setembro, na quinta-feira. O agressor também foi alvo de uma ação aberta no Ministério Público de Goiânia, em razão de Crime Ambiental.

• Compartilhe essa notícia no Whatsapp• Compartilhe essa notícia no Telegram

Em nota divulgada nas redes sociais, o Lar Amicão disse que “ontem, uma ferida foi aberta em nossos corações”. Ainda pediram que a comunidade ajude parque crimes como esses não sejam banalizados e nem naturalizados.

Tags: