Caiado anuncia Ismael Alexandrino como presidente do Ipasgo

O ex-presidente Hélio Lopes espera exoneração ser publicada no Diário Oficial

Durante coletiva de imprensa na tarde desta segunda-feira (20/09), o governador Ronaldo Caiado (Democratas) anunciou o atual secretário de estado da saúde, Ismael Alexandrino, como presidente do Instituto de Assistência dos Servidores Públicos de Goiás (Ipasgo). O anúncio foi feito após o pedido de exoneração do ex-presidente do Instituto, Hélio Lopes, depois de uma conversa com o governador Caiado nesta manhã.

Lopes assumiu a presidência do Ipasgo em 2 de julho, ocupando o cargo por pouco mais de dois meses. Ele deixa o cargo em meio a crise do corte de 50% das cotas de atendimentos eletivos; no entanto, sua exoneração ainda não foi publicada no Diário Oficial. Desta maneira, Ismael Alexandrino acumulará duas funções no governo de Goiás.

As mudanças

Durante a coletiva, Caiado, afirmou que nenhum usuário do Ipasgo ficará sem atendimento e se desculpou pelo “constrangimento” que os usuários sofreram desde o corte dos atendimentos eletivos “[…] como tal, reforçamos aqui, mais uma vez pedir desculpa aos usuários do Ipasgo, pois semana passada passaram por constrangimento e nada disso vai ocorrer”, afirmou. Tal corte foi anunciado em 6 de setembro com a justificativa de limite orçamentário.

Ainda, de acordo com o Governador, o Instituto passará por uma auditoria ampla devido ao aumento de 29,8%  nas despesas com a rede credenciada, quando comparado os anos de 2020 e 2021. Caiado afirmou que, segundo o Ipasgo, não tinha equipe disponível para fiscalizar todas as faturas.

O Governador ainda afirma que manterá o orçamento previsto para este ano, uma vez que após a análise das faturas apresentadas ao instituto pela auditoria, espera-se uma redução em torno de 15 a 20% nos gastos.

Ao ser indagado sobre a permanência na presidência do Ipasgo, Ismael Alexandrino diz que seu cargo “vai ser de acordo com a definição do governador Caiado”, afirma.

Assista a coletiva na íntegra clicando aqui

Tags: