Jornal Diário do Estado

Caiado prestigia tradicional cavalgada da Pecuária de Goiânia

Estado participa do evento com programação de cursos técnicos gratuitos e oferta de vagas de emprego

O governador Ronaldo Caiado recebeu na tarde deste sábado,13 , a tradicional cavalgada de divulgação da Exposição Agropecuária do Estado de Goiás. Resgatado após 10 anos de paralisação, o evento reuniu cerca de mil cavaleiros em Goiânia. O grupo foi recepcionado com entusiasmo pelo chefe do Executivo durante passagem pela Praça Cívica. “Fiz questão de recebê-los aqui em frente ao Palácio das Esmeraldas e participar desse momento de descontração e confraternização com os amigos”, disse Caiado, que participou da cavalgada com suas mulas Estrela e Africana.

Neste ano, a Exposição será realizada entre os dias 18 e 28 maio. Como forma de convidar a população, a comitiva saiu da sede da Sociedade Goiana de Pecuária e Agricultura (SGPA), entidade organizadora do evento, no Setor Nova Vila. A cavalgada seguiu escoltada pela Polícia Militar até chegar à Avenida 136, no Setor Marista, e, em seguida, retornou ao Setor Central.

Enquanto era servido um lanche aos cavaleiros, o governador destacou a participação do Estado no evento. As secretarias da Retomada; de Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Seapa); Agrodefesa; Emater e a Organização das Voluntárias de Goiás (OVG) fazem parte da programação. Uma das novidades é a oferta de vagas de emprego e de cursos técnicos gratuitos em agroecologia, zootecnia, agropecuária e agricultura pelos Colégios Tecnológicos (Cotecs).

Caiado falou que, durante a Exposição Agropecuária, pretende mudar a sede do Governo de Goiás para o local do evento por um dia. “Vamos mostrar o quanto o setor tem apoiado o desenvolvimento do estado de Goiás e desse Brasil”, disse o governador.

Para o titular da Seapa, Pedro Leonardo, a intenção do Governo é fortalecer cada vez mais esse tipo de evento, onde o produtor rural tem acesso às tecnologias e a uma programação festiva.

O presidente da SGPA, Gilberto Marques Neto, espera que a exposição movimente R$ 50 milhões em negócios. “A cavalgada vem para avisar que a Pecuária está chegando”, disse o presidente. Ele explica que a edição 2023 vem para resgatar o formato festivo, com a volta da família ao evento, com programação para crianças e adultos.

Agronegócio

Dados da Seapa mostram que Goiás está na segunda colocação do ranking nacional de abate de bovinos e na terceira posição em exportação de carne bovina. Em relação à produção de grãos, as lavouras devem entregar um total de 32,28 milhões de toneladas de grãos na Safra 22/23. O volume deve dar a Goiás o terceiro lugar entre os maiores produtores estaduais, atrás apenas de Mato Grosso e Paraná, e representa crescimento de 11,9% na comparação com a Safra 21/22.