Caiado rebate fala de Bolsonaro e destaca a importância do ICMS

Segundo o governador Ronaldo Caiado, o aumento da gasolina nunca foi culpa do Estado, e sim da Petrobrás.

Para rebater a fala do presidente da República, Jair Bolsonaro, sobre a questão do ICMS do combustível, o governador Ronaldo Caiado se pronunciou nesta segunda-feira (30) através das redes sociais. Segundo informações da CBN Goiânia, Caiado explicou que a alíquota que é cobrada em Goiás é a mesma desde 2016, e que não fez nenhum reajuste. Segundo o governador, o imposto é o mesmo do ano passado, por exemplo, em que a gasolina custava até menos de R$ 4,00 o litro.

Bolsonaro disse que a questão do preço dos combustíveis é devido ao imposto estadual cobrado pelos governadores. Contudo, na publicação, Ronaldo Caiado afirma que o aumento da gasolina nunca foi culpa do Estado, e sim da Petrobrás, que de acordo com ele, subiu mais de 50% os combustíveis. O governador ainda disse que Goiás está sob a Lei de Responsabilidade Fiscal que impede qualquer alteração na receita e destacou que o ICMS é um imposto importante também aos municípios que recebem 25% do valor.

• Compartilhe essa notícia no Whatsapp• Compartilhe essa notícia no Telegram

LEIA TAMBÉM

• Governo de Goiás retoma edição presencial da Campus Party• Alego aprova PL do governo que reestrutura plano de carreira dos bombeiros• Nome de Izaura Cardoso, esposa de Vanderlan, ganha força para vice de Vitor Hugo

Tags: