Carta aberta: economistas e banqueiros cobram vacinação e isolamento social

Documento criticou "a liderança política maior do país"

Uma carta aberta à sociedade com o título:  “O País exige respeito; a vida necessita da ciência e do bom governo”, foi assinada por economistas, banqueiros e empresários brasileiros.

O documento chama atenção para o que seria o momento mais crítico da Covid-19, e defende políticas públicas com base em dados, informações e evidências da ciência. Apesar de não citar o nome do presidente Bolsonaro, a carta diz:  “O desdenho à ciência, o apelo a tratamentos sem evidência de eficácia, o estímulo à aglomeração e o flerte com o movimento antivacina, caracterizou a liderança política maior no país”, criticam os autores.

• Compartilhe essa notícia no Whatsapp• Compartilhe essa notícia no Telegram

O grupo ainda pediu a vacinação, o uso de máscaras, a implementação de isolamento social, bem como uma reforma no sistema de proteção social, com medidas semelhantes ao Auxílio Emergencial.

Imagem: Sérgio Lima/Poder 360

Tags: