CCXP 2021 promete lançamentos de grandes estúdios

O evento começa neste sábado (04) e promete grandes novidades para os fãs da cultura geek em geral

Pelo segundo ano consecutivo a edição da Comic Con Experience (CCXP) será totalmente virtual, por conta da pandemia da Covid-19. O evento começa neste sábado (04) e promete grandes novidades para os fãs de cinema, games, quadrinhos e da cultura geek em geral.

Neste ano o festival poderá ser acessado gratuitamente, entretanto há um passe especial no valor de R$50 que garante ao telespectador conteúdos exclusivos. Para o evento deste ano as presenças mais aguardadas são as do elenco do filme “Matrix Ressurections“, que está com a estreia marcada para o dia 22 de dezembro.

• Compartilhe essa notícia no Whatsapp• Compartilhe essa notícia no Telegram

Já nos quadrinhos, as editoras Marvel e DC irão apresentar suas principais novidades para 2022. Além disso os amantes de quadrinhos terão outro atrativo, as presenças ilustres de Maurício de Souza, idealizador da Turma da Mônica, e Jim Daves, que criou o personagem Garfield. Ambos irão participar de uma roda de conversa no domingo (5), às 19h30.

LEIA TAMBÉM

• Karol Conká cresce 978% em streaming após lançamento de “Dilúvio”

Em 2021, a CCXP terá menos horas de conteúdo este ano, mesmo assim, a organização do evento espera um aumento de aproximadamente 20% no número de acessos no evento em comparação ao ano de 2020. Em 2020, 3,5 milhões de pessoas participaram do festival, com um alcance em 139 países e cerca de 30 milhões de visualizações.

“A gente diminuiu o volume de conteúdo para priorizar a qualidade. No ano passado, chegamos a fazer mais de 150 horas de conteúdo e, neste ano, vamos fazer seis horas. Ou seja, aumentamos o nível de seleção para ter realmente o filé do filé”, disse Roberto Fabri, CEO da Omelete Company, empresa organizadora e idealizadora do evento.

Segundo Fabri, o evento deste ano será mais atrativo, já que as principais empresas de streaming, como Warner, Paramount, Netflix, HBO Max e Amazon Prime, confirmaram sua participação e devem promover seus próximos lançamentos.

“A verdade é que ano passado, toda a indústria do entretenimento estava parada. Ninguém estava filmando. Então, um dos maiores pontos que comunidade trouxe foi de que a experiência foi muito legal, mas faltou aquela novidade. Então, acho que esse é o principal ponto de diferença neste ano”, afirmou o CEO.

Ingressos para o evento

Neste ano, é possível assistir gratuitamente a programação da CCXP. Entretanto, há a opção de comprar ingressos por R$50, que permitem uma experiência ampla. Já as pessoas que optarem por comprar ingressos terão acesso posterior a todo o conteúdo do evento, podendo assistir todos os vídeos quando quiser até janeiro do próximo ano.

Além disso, serão feitos alguns conteúdos exclusivos para os públicos que comprarem ingressos.

 

Tags: