// Poder

Baldy oficializa candidatura ao Senado e confirma PP na base de Caiado

Presidente da sigla ainda articula candidatura única ao Senado na chapa do governador, decisão deve ser anunciada no final desta sexta-feira (5)

Em

O PP já realizou as convenções partidárias e Alexandre Baldy oficializou candidatura ao Senado com o Progressistas na base do projeto de reeleição do governador Ronaldo Caiado (União Brasil).

Baldy chegou para o encontro acompanhando do ministro-chefe da Casa Civil, Ciro Nogueira (PP). O governador Ronaldo Caiado (União Brasil) e Daniel Vilela (MDB), candidato a vice na chapa de Caiado, também participaram do evento.

• Compartilhe essa notícia no Whatsapp• Compartilhe essa notícia no Telegram

Em entrevista concedida à imprensa antes do início das convenções, Alexandre Baldy disse que ainda espera ser candidato único ao Senado na chapa encabeçada por Caiado. Para isso é necessário que o deputado federal delegado Waldir (União Brasil) desista da disputa.

LEIA TAMBÉM

• Patrimônio dos novos candidatos ao Senado por Goiás soma R$ 73,4 milhões• Procon oferece canal para registros de denúncias online• Em Anápolis, cruzamento da Avenida Brasil com a Goiás está interditado

“Nós trabalhamos para isso. O PP é o maior partido da base de Caiado e da base do presidente Bolsonaro. Trabalhamos para que a gente possa estar sim com o governador de forma única”, disse Baldy.

O ministro-chefe da Casa civil, Ciro Nogueira, foi o primeiro a discursar no evento e ressaltar a parceria do PP com Caiado. “ Em Goiás o eleitor de Bolsonaro votará em Caiado e o eleitor de Caiado votará em Bolsonaro”, falou.

Daniel Vilela citou que “Baldy tinha mandato destaque no Congresso quando deputado federal e, sem dúvidas, foi o ministro que mais enviou recursos para obras em Goiás. Acreditamos na sua capacidade de trabalho”, disse Vilela.

Até o final da convenção não ficou definida a candidatura ao Senado na chapa de Caiado. A convenção do União Brasil está marcada para as 15h desta sexta-feira. Após o final do evento é esperado o anúncio dos integrantes do grupo, mas Baldy reafirma o apoio ao governador e está confirmado que disputa o Senado mesmo com candidatura avulsa.

Os nomes dos suplentes de Baldy também devem ser anunciados no final desta sexta-feira. Durante o evento ainda foram apresentados os 42 candidatos a deputado estadual e os 18 postulantes à Câmara Federal pelo PP. A meta do partido é eleger cinco estaduais e três federais.

Tags: