// Poder

Bolsonaro diz que desfez “uma injustiça”, ao conceder indulto a Daniel Silveira

Em uma entrevista a uma rádio do Mato Grosso, presidente também disse que não teve intenção de “peitar” o STF

Em

Durante entrevista a Rádio Metrópole de Cuiabá (MT), o presidente Jair Bolsonaro disse que “não quis peitar o Supremo”, ao conceder o indulto, uma espécie de perdão, ao deputado Daniel Silveira (PTB-RJ).

Na semana passada Daniel Silveira foi condenado a mais de oito anos de prisão pelo Supremo Tribunal Federal (STF), por crimes de ataques a democracia e incitação de violência contra ministros da Corte.

• Compartilhe essa notícia no Whatsapp• Compartilhe essa notícia no Telegram

Ao justificar o indulto, o presidente disse que apenas quis “desfazer uma injustiça”.

LEIA TAMBÉM

• Lula, Bolsonaro, Tebet e Ciro cumprem agenda em Salvador neste sábado, 2• Vídeo: Adele surpreende o público ao gritar ‘Fora Bolsonaro’ em show• Governo Federal tem cinco dias para explicar manual contra aborto legal

“Houve um excesso. Caberia a mim, e só a mim e mais ninguém aqui no Brasil, desfazer essa injustiça. Não quero peitar o Supremo, dizer que sou mais importante, tenho mais coragem que eles, longe disso”, argumentou.

Tags: