// Poder

França, ex-governador de SP, caminha para ser candidato ao Senado

Neste cenário, tendência é que Marina Silva (Rede), seja indicada como vice de Haddad (PT). Formatação daria sustentação a Lula no estado

Em

Lula (PT) tem trabalhado para organizar o seu palanque em São Paulo (SP), maior colégio eleitoral do Brasil.

No final de semana Lula se reuniu com o ex-governador Márcio França (PSB) para resolver as pendências entre o PT e o PSB no Estado.

• Compartilhe essa notícia no Whatsapp• Compartilhe essa notícia no Telegram

Tudo indica que ficou acertado que França lance sua candidatura ao Senado e deixando o caminho livre para Fernando Haddad ser o candidato do PT ao governo de São Paulo.

LEIA TAMBÉM

• Caiado tem 57% dos votos válidos, aponta pesquisa Diagnóstico• Caiado tem o maior tempo de propaganda no Rádio e TV• Lula é o favorito para vencer eleições entre moradores de favelas

De acordo com Andréia Sadi do G1, neste cenário cabe ainda a indicação da ex-ministra Marina Silva (Rede) como vice na chapa encabeçada por Haddad.

O convite foi feito e, a formatação do grupo PT/PSD e Rede em são Paulo, depende agora da resposta de Marina Silva.

Tags: