// Poder

União Brasil é a “noiva cobiçada”, afirma Delegado Waldir, após presidenciáveis procurarem apoio

Em

O presidente estadual do Partido Social Liberal (PSL), o deputado federal Waldir Soares, em entrevista ao Diário do Estado, afirmou que o União Brasil, partido que nascerá da fusão do PSL e Democratas (DEM) é a “noiva cobiçada” do momento, pois eles possuem um “dote fenomenal”. Waldir diz que vários presidenciáveis já os procuraram, como Jair Bolsonaro (PL), Sérgio Moro (Podemos), João Dória (PSDB) e Simone Tebet (MDB), “Apenas Ciro Gomes (PDT) e Lula (PT) não vieram até nós ainda”.

O deputado diz que sua candidatura está definida em “100% no Senado Federal” e que toda a sua base já está ciente “Quando o governador Ronaldo Caiado (DEM) me convidou para voltar à sua base e andar com ele em Goiás, foi levado ao conhecimento dele, aos partidos da base e a todos os deputados, esse meu desejo. Eu ajudei a construir o PSL, fui o deputado federal mais bem votado de Goiás nas últimas eleições e não faz sentido eu não ser candidato por ele”, diz.

• Compartilhe essa notícia no Whatsapp• Compartilhe essa notícia no Telegram

Waldir destaca ainda que não vê problemas em ter candidaturas majoritárias do mesmo partido, no caso, de Ronaldo Caiado ao governo de Goiás e a dele ao Senado Federal e afirma que a consulta que ele fez ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE) no ano passado era apenas uma atualização sobre uma decisão de 2010, na qual possibilitava que os partidos que fecharem aliança com o candidato ao governo de um estado, possam lançar também seus próprios candidatos ao Senado, não sendo limitados por chapas.

LEIA TAMBÉM

• Vai pescar? Produtos apresentam variação de até 200%, em Goiânia• Goiás perde para o América e amarga a zona de rebaixamento• ‘Minha dor só não é maior do que o meu amor’, escreve Caiado sobre perda do filho

Segundo ele, os dirigentes do União Brasil, Luciano Bivar e ACM Neto estão cientes da sua candidatura e há diálogo nesse sentido.

União Brasil joga alto

Segundo o deputado Waldir, o partido espera eleger de 75 a 100 deputados, 20 senadores e 10 governadores. Só o tempo de propaganda eleitoral na TV, com o tamanho de partido, será de dois minutos para o candidato ao governo, neste caso, Ronaldo Caiado.

Andanças

Na última semana, Delegado Waldir (PSL) se reuniu com o prefeito de Catalão, Adib Elias (Podemos) para pedir bênção a sua candidatura como senador. Em troca, reforçou apoio ao secretário da Habitação da Prefeitura de Catalão, Leovil Júnior, que será candidato a deputado estadual e deve vir pelo União Brasil e José Nelto (Podemos) como candidato a deputado federal. Entretanto, com a chegada do vice-prefeito de Aparecida de Goiânia, Vilmar Mariano no Podemos, José Nelto está de saída. Será que o endereço também é o União Brasil?

Apoio

Sobre o apoio ao pré-candidato à presidência da República, Sérgio Moro (Podemos), o Delegado Waldir não foi energético. Isso porque o Podemos já declarou apoio a Gustavo Mendanha (sem partido) como pré-candidato ao governo de Goiás.

Finalmente

Conforme noticiado por essa coluna Poder na sexta-feira (21) o endereço partidário de Gustavo Mendanha será definido nesta semana. Para lembrar: o presidente do Partido Liberal (PL) em Goiás, Flávio Canedo, disse que teríamos surpresas na terça-feira (25). Ao que parece, Mendanha decidiu se filiar ao PL, sendo agora o candidato de Bolsonaro em Goiás.

Alta

O governador Ronaldo Caiado (DEM) recebeu alta neste domingo (23) após tratamento contra uma infecção na próstata. Ele estava internado no hospital Vila Nova Star. Antes de ser hospitalizado, ele sentiu febre e dores no corpo.

Demora

Os goianienses, apesar do novo decreto da prefeitura de Goiânia na tentativa de manter um distanciamento social e menos aglomeração, tem deixado a desejar no tempo de espera para testes de Covid-19. A população tem enfrentado espera de mais de 3h nas filas, seja com agendamento ou drive-thru.