Corpo de Dom Antônio Ribeiro é velado em Goiânia

O corpo do arcebispo emérito de Goiânia, Dom Antônio Ribeiro de Oliveira, está sendo velado na manhã desta quarta-feira, 10, na Catedral Metropolitana da Capital. O clérigo faleceu na tarde da última terça-feira, 27, aos 90 anos de idade.

De acordo com o padre Rodrigo de Castro Ferreira, reitor do Santuário da Sagrada Família, Dom Antônio morreu na casa de parentes, no setor Goiânia II, após sofrer um infarto. A Arquidiocese de Goiânia informou que os Bombeiros foram acionados para socorrê-lo, mas o clérigo não resistiu. Ele já havia sofrido um infarto há aproximadamente uma semana, de acordo com a órgão religioso.

• Compartilhe essa notícia no Whatsapp• Compartilhe essa notícia no Telegram

Nascido em Orizona, no sul goiano, Dom Antônio Oliveira se tornou padre aos 22 anos. Ele foi arcebispo de Goiânia durante 16 anos e deixou o cargo em 2002, quando Dom Washington Cruz o assumiu.  O clérigo celebrou a missa campal durante visita do então papa João Paulo II à Goiás, em 1991.

LEIA TAMBÉM

• Fazendeiro que mandou matar corretor em Rio Verde tem prisão decretada pela Justiça• Em Vila Propício, criança de 4 anos morre em acidente de carreta com bicicleta• Em Niquelândia, jeito de cuidar do gado leva irmãos a se matarem

Atualmente, o arcebispo emérito sofria com diabetes e passava por um tratamento.

Luto

Em homenagem a Dom Antônio, o governador em exercício José Eliton decretou luto oficial de três dias. Em nota, Marconi e a primeira-dama, Valéria Perillo, lamentaram a perda do sacerdote, a quem definiram como “queridíssimo amigo e sábio conselheiro” e “um dos maiores pastores de Goiás e do Brasil”

Nas redes sociais, a Arquidiocese de Goiânia publicou uma nota informando sobre a morte do clérigo com o texto: “É com muito pesar que informamos o falecimento do nosso estimado arcebispo emérito Dom Antônio Ribeiro de Oliveira, ocorrido nesta tarde, 28 de fevereiro”.

Tags: