“Depressão é uma doença séria e tem tratamento”, orienta psiquiatra

Psiquiatra da dicas sobre Isolamento social e os malefícios para a saúde mental

Além dos problemas econômicos agravados pela pandemia do Covid-19, o isolamento também tem mexido com a cabeça de muita gente. A mudança na rotina, nos hábitos e o distanciamento social, se tornaram gargalos preocupantes para a saúde mental das pessoas ao redor do mundo.

A médica psiquiatra, Luíza Ninon explica que existem dois grupos de pessoas que necessitam de observações: “Em termos psicodinâmicos, existem dois grupos: pessoas que não podem estar de quarentena por conta do trabalho que exerce, isso gera um problema de ansiedade. O outro grupo é das pessoas que estão em casa, e estão sofrendo muito com a solidão e ausência dos entes queridos”, explica.

• Compartilhe essa notícia no Whatsapp• Compartilhe essa notícia no Telegram

Para a médica psiquiatra, manter a mente ocupada, praticar atividades físicas e externar o que sente, são pontos fundamentais para driblar as doenças mentais. Segundo ela a depressão é uma doença séria, tem medicamento e tratamento, mas precisa de acompanhamento dos profissionais capacitados. “Eu acho que falar coisas para cairmos no senso comum, não ajuda. As pessoas tem problemas reais nas mãos, a abordagem nesse tipo de situação deve ser encarada na realidade que ela vive. Devemos procurar soluções dentro do que é possível, podemos sim buscar soluções”, destaca Luíza.

Luíza Ninon é mestranda em Saúde Coletiva pela Universidade Federal de Goiás e trabalha com o tema: suicídio.

Assista entrevista completa:

Tags: