Descubra 10 fatores que intensificam a queda de cabelo

Confira a lista com razões que podem estar associadas a queda de cabelo excessiva

O queda capilar nem sempre é uma doença em si. Na verdade, trata-se de um sintoma – tanto de males que atacam só o couro cabeludo quanto dos que também agridem outras partes do corpo. De acordo com dermatologistas, perdemos cerca de 50 a 100 fios de cabelo por dia – o que pode parecer muito, mas é uma quantidade saudável para completar o ciclo dos fios. No entanto, é importante ligar o sinal de alerta ao perceber o cabelo caindo muito e por todos os cantos da casa. Nesse caso, existe uma série de fatores que podem estar ligados a essa perda. Confira na lista abaixo 10 razões que podem estar associadas a queda capilar excessiva.

10. Alimentação pobre em nutrientes e vitaminas 

• Compartilhe essa notícia no Whatsapp• Compartilhe essa notícia no Telegram

Uma alimentação pobre em nutrientes, vitaminas e minerais, como proteínas, zinco, ferro e vitaminas A e C, pode ser uma causa para a queda capilar. Isto ocorre porque esses nutrientes ajudam no crescimento e fortalecimento dos fios, favorecendo para que uma dieta pobre intensifique a queda dos cabelos. Mantenha uma alimentação nutritiva e balanceada, rica em proteínas, ferro, zinco e vitaminas, tendo sempre em sua deita carnes magras, queijo, leite, frutas, legumes e vegetais frescos

LEIA TAMBÉM

• “Posso ajudar muito mais sendo médica”, atesta Ludhmilla Hajjar• De como tomar ao que fazer quando vence; tire dúvidas sobre remédios• Número 2 do Ministério da Saúde também foi exonerado

9. Excesso de vitamina A ou B

Embora seja relativamente raro, a presença excessiva de vitaminas A ou do complexo B no corpo pode contribuir para a queda de cabelo. Esta situação é mais frequente em pessoas que estão tomando suplementos com algum destes tipos de vitaminas por muito tempo.

8. Excesso de estresse e ansiedade

Uma das principais causas de queda de cabelo é o excesso de estresse, tanto físico como mental.  Isso porque, o excesso de estresse e ansiedade podem causar um desequilíbrio hormonal do cortisol, um hormônio relacionado ao estresse, que quando está com os níveis aumentados pode provocar a queda excessiva do cabelo. Em outros casos, o estresse pode não ser a causa principal da queda dos fios, mas pode piorar a perda de cabelos que já exista por outro motivo.

7. Procedimentos químicos frequentes 

Tratamentos como escova progressiva, coloração e outras químicas podem ser um risco para os fios, causando uma fragilidade na haste, refletindo na quebra ou até mesmo na perda capilar – caso seja usada uma substância muito forte.

6. Menopausa 

A menopausa, que é a interrupção da menstruação por um processo natural de envelhecimento da mulher em que o ovário deixa de produzir estrógeno, ou a andropausa, que é a menopausa masculina em que os testículos diminuem a produção de testosterona, provocam uma alteração hormonal que pode fazer com que o cabelo caia de forma mais frequente.

5. Gravidez 

A queda de cabelo é relativamente comum em mulheres após o parto, não só devido às alterações hormonais que continuam a acontecer no organismo, mas também pelo estresse do parto. Geralmente, esta queda de cabelo surge nos primeiros 3 meses após o parto e pode durar até 2 meses.

4. Anemia 

A anemia por carência de ferro pode causar queda excessiva do cabelo, pois o ferro é um mineral essencial para a produção de hemoglobina, uma proteína que carrega oxigênio nas células vermelhas do sangue para todos os tecidos do corpo, inclusive o couro cabeludo. Quando o couro cabeludo recebe menos oxigênio e nutrientes, pode causar enfraquecimento e a queda dos fios.

3. Uso de antidepressivo e outros medicamentos 

Algumas classes de medicamentos, como os antidepressivos, os anticoagulantes ou os remédios para pressão alta podem ter o efeito colateral de contribuir para a queda de cabelo, especialmente no início do tratamento ou quando já estão sendo utilizados por muito tempo.

2. Dietas restritivas 

Uma dieta com restrição na ingestão de alguns nutrientes, como proteínas, vitamina B12 e ferro, pode impactar negativamente os fios, resultando na queda de cabelo.

1. Infecção 

A infecção do couro cabeludo por fungos, chamada de tinea, tinha ou micose, pode favorecer a queda excessiva dos fios de cabelo, além de causar coceira intensa no couro cabeludo.

 

Tags: