Dois homens são presos por invadirem e roubarem residência no Jardim Califórnia, em Goiânia.

Cerca de cinco pessoas faziam parte do grupo. Todos eles tinham conhecimento da rotina da vitima para invadirem e roubarem residência.

Dois homens foram presos em flagrante delito pela Policia Civil do estado de Goiás (PCGO), suspeitos de invadirem e roubarem uma residência no Jardim Califórnia, em Goiânia. O crime aconteceu na madrugada de terça-feira (16) quando a vítima estava chegando em casa.

De acordo com a polícia, a vítima, ao entrar na garagem de sua residência em seu carro, foi rendida por três indivíduos armados, que a aguardavam com o intuito de praticarem o roubo do veículo e do dinheiro. A moradora estava com seu amigo, que também foi rendido pelos assaltantes.

• Compartilhe essa notícia no Whatsapp• Compartilhe essa notícia no Telegram

Abordando as vítimas os autores levaram ambos para o interior da residência, trancaram um no quarto e outro na cozinha, amarrados pelos pés, mãos e boca. Enquanto isso, subtraiam os pertences da residência. Toda a ação inicial dos autores, foi registrado por câmeras de segurança da residência.

Segundo o Delegado Murillo Leal, titular da Deic, após conhecimento do fato os policiais civis do Garra/Deic, conseguiram identificar os cinco suspeitos que teriam participado do crime. Assim, foi possível fazer a prisão em flagrante de Marcos Vinícius Cardoso dos Reis (34 anos) e Francisco Marcos de Goias (vulgo Pelé, 49 anos).

“Em pronta resposta, nossa equipe da Deic realizou uma força tarefa e conseguimos no mesmo dia efetuar a prisão de dois indivíduos. Também conseguimos identificar os cinco indivíduos que participaram da execução e também o mandante do crime, que é o indivíduo que encomendou o carro. Nos próximos dias vamos concluir o inquérito e representar a prisão dos demais indivíduos que participaram da ação”, comenta Murillo.

Ainda de acordo com o delegado, o crime foi planejado pois “um dos indivíduos que foram presos, conhecia toda a rotina da vítima, sabia que era empresário, tinha corola. Ele studou toda rotina para executar toda ação”.

Os dois que foram presos confessaram o crime e ajudaram a polícia na recuperação de parte dos objetos roubados da vítima. Os demais envolvidos, dentre eles uma mulher, estão foragidos e continuam sendo procurados pela Polícia Civil.