Home»Esportes»Dorival Junior não é mais técnico do São Paulo

Treinador foi demitido após derrota no clássico diante do Palmeiras

0
Shares
Pinterest Google+ Whatsapp

Acabou a era Dorival Junior no São Paulo. O técnico que foi contratado para substituir o ídolo Rogério Ceni não conseguiu replicar a mesmo bom trabalho que fez no Santos, seu último clube, e deixa o tricolor paulista depois de 8 meses no trabalho. No total, foram 40 partidas no comando, com 17 vitórias, 10 empates e 13 derrotas.

O estopim para a queda foi a derrota no clássico contra o Palmeiras por 2 a 0 nessa quinta-feira. Parte da diretoria do São Paulo já não demonstrava mais confiança no nome de Dorival depois de performances ruins do time e de uma campanha medíocre no Campeonato Brasileiro de 2017.

Mesmo classificado para as quartas de final do Paulista, o tricolor não apresenta um bom futebol, sem conseguir convencer seu torcedor. Por isso, a mudança de comando se tornou incontestável, até para que o trabalho já visando o Brasileiro não fique comprometido.

Com a mudança no comando, André Jardine, técnico da equipe Sub-20, assume o time principal de forma interina e já comanda o treino desta tarde (09), quando a diretoria se pronunciará no CT, e o elenco iniciará os preparativos para o duelo com o Red Bull, no domingo (11), às 17 horas, no Morumbi, pela 12ª rodada do Campeonato Paulista.

Um dos nomes cotados para assumir definitivamente o comando do São Paulo é o do técnico Vanderlei Luxemburgo, que por último, treinou o Sport de Recife.

Newsletter do Jornal Diário do Estado – Assine já!

Comente á vontade!