Encontro revitaliza locais públicos no Distrito Federal

Cada grafiteiro terá dois dias para executar a intervenção artística de tema livre em uma área de 10 a 20 m²

A Galeria dos Estados vai receber uma intervenção entre 8 e 11 de julho no 4º Encontro de Graffiti. No evento, artistas do Distrito Federal e Entorno farão uma revitalização num dos principais pontos do Setor Comercial Sul de Brasília.

Os artistas selecionados cumprirão as normas recomendadas pelas autoridades de Saúde quanto a prevenção da covid-19, com suporte de higiene, equipamentos de proteção individual e de segurança. Todos atuarão em modo de revezamento para garantir o distanciamento social.

Assim, cada grafiteiro terá dois dias para executar a intervenção artística de tema livre em uma área de 10 a 20 m² da Galeria dos Estados e receberá um cachê no valor de R$ 1.500.

A Secretaria de Cultura e Economia Criativa criou o Comitê Permanente do Grafite (CPG), pioneiro no processo de valorização da arte urbana no Brasil.

À frente da iniciativa, a subsecretária de Economia Criativa, Érica Lewis, aponta que o Encontro de Graffiti democratiza o acesso à cultura e contribui para a valorização do trabalho dos grafiteiros e da cultura hip hop presente no DF. “O edital é uma grande oportunidade de impulsionar o interesse pelo espaço urbano e dar visibilidade à arte.”

Elaborado e gestado pela Subsecretaria de Economia Criativa (Suec), o 4º Encontro de Graffiti faz parte da série de iniciativas da pasta para fomentar a cultura nos espaços públicos do Distrito Federal, além de proporcionar o intercâmbio artístico-cultural e incentivar o empreendedorismo no movimento.

Tags: