Jornal Diário do Estado

Ex-cantora gospel revela porque abandonou carreira e virou garota de programa

A religiosa não poupou palavras e confirmou os rumores a seu respeito

Franciele abandonou a música cristã e se tornou garota de programa. Seu caso chamou bastante a atenção dos evangélicos, já que era muito conhecida no meio gospel.

Outro detalhe que atraiu comentários dos fiéis foi o fato de que a ex-cantora é casada e, apesar disso, não pareceu se importar com isso ao assumir sua nova ‘profissão’.

Alguns vídeos proibidos da jovem começaram a circular em grupos de WhatsApp, o que fez com que Franciele se pronunciasse.

A ex-cantora gospel revelou que, de fato, era evangélica. Entretanto, muitas coisas aconteceram em sua vida. Ela afirmou que enfrentou uma tentativa de homicídio por parte do ex-marido enquanto ainda estava grávida.

A confissão e o motivo

A cantora afirmou que sofreu uma tentativa de homicídio por parte de seu ex-marido enquanto ainda estava grávida. Depois de sobreviver, ela abandonou a igreja. Franciele contou que isso aconteceu há mais de 5 anos e que, atualmente, já tem um novo companheiro.

Desta forma, ela confirmou aquilo que não passava de mera especulação das redes sociais: “Já que é a pergunta que todos esperam resposta, sim faço programa, não para sobreviver, como foi dito, faço porque é meu trabalho. Amo meu marido, filhos e família e não deixo de respeitar eles, nem troco o amor deles pelo dinheiro que ganho”.

Continuou: “Muitas pessoas me julgam mas não estiveram em meu lugar nas dificuldades. Mas Deus sim estava comigo ate quando quiseram tirar minha vida e de meu filho. Ele está no meu coração, em minha vida e de minha família. Amo tudo isso. É meu trabalho, também me sinto feliz sendo quem sou, não quem os outros querem que eu seja”, concluiu Franciele Weirich.