Fazendo cupcakes para os amigos e família empresária abre seu próprio negócio

Mesmo sem ter nenhum curso na área de confeitaria, Juliana Morais tem uma demanda de encomendas muito grande. Já imaginou que um hobby possa se tornar sua nova profissão e/ou empresa? Seria um sonho trabalhar com o que fazemos por diversão, não é mesmo? Isso aconteceu com a Juliana Morais, de 31 anos, que é formada em Nutrição, mas que nunca exerceu essa profissão. Foi fazendo cupcakes para os amigos e a família que ela teve a oportunidade e incentivo de tornar isso sua atual empresa, a Ju Morais – Doces Caseiros.

“Não tenho nenhum curso de Gastronomia e nem Confeitaria. Eu fazia só para presentear meus amigos e quando vi, eles começaram a encomendar e dentro de alguns meses foi se tornando uma fonte de renda e um negócio sem que eu quisesse”, conta. Atualmente, a empresa já tem seis anos e segundo Juliana, a demanda é tão grande que às vezes tem que dispensar encomendas por não conseguir atender a todos. “Tenho confeiteiras amigas, que quando eu não consigo atender os meus clientes eu indico essas confeiteiras que são amigas e parceiras que fazem um trabalho muito bonito e similar ao meu”, explica.

Sempre detalhista e perfeccionista, a confeiteira usa produtos de primeira qualidade e garante que é esse é o diferencial da sua marca. “Então, acaba que meu produto se diferencia muito e é o que meus clientes sempre buscam quando encomendam comigo e quando voltam, é a estética, a beleza e o sabor”, afirma. Filha de pais comerciantes, a empresária aprendeu a administrar a empresa sozinha, atualmente, tem a ajuda de duas funcionárias, uma é secretária e a outra ajuda na cozinha, mas quem prepara todas as receitas e também administra as redes sociais que dão maior visibilidade para seu trabalho é a Juliana.

O maior número de encomendas é durante a Páscoa e o Natal e o registro que sua empresa quer deixar em seus clientes é um sentimento de amor e lembranças da infância. “Porque eu utilizo receitas adaptadas que lembram a minha infância, o amor que minha mãe transmitia em tudo que ela fazia e quando eu comia, sentia o amor dela, então é isso que eu tento transmitir”, expressa.

Segundo o IBGE, cerca de 60% das empresas no Brasil fecham antes de completarem cinco anos e um dos principais motivos é a má gestão financeira. Então, na hora de empreender, o melhor que o empresário deve fazer é pesquisar, saber separar as contas da empresa das contas dos funcionários, administrarem o ganho diário do caixa seja através de uma planilha, para depois ter noção de quanto tem em capital para ser aplicado em investimentos para empresa.

http://www.instagram.com/p/BhWP4tCFKdH/?hl=pt-br&taken-by=_jumorais_

Tags: