Frente Parlamentar pelo Desarmamento é oficialmente criada

Assinada pelo presidente do Senado, resolução foi publicada nesta quinta-feira (15) no Diário Oficial.

Foi oficialmente criada nesta quinta-feira (15), uma Frente Parlamentar pelo Desarmamento. A resolução publicada no Diário Oficial da União, foi assinada pelo presidente do Senado Rodrigo Pacheco (DEM-MG). A finalidade segundo o documento é promover o debate no Congresso Federal, visando aprimorar a legislação federal para atuar em favor do desarmamento e da construção de uma cultura de paz.

A FP-Desarmamento acontece no momento de “ventos armamentistas que sopram atualmente no País, soprados por valores e inspirados por finalidades ainda não de todo claras”, segundo o senador Paulo Rocha (PT-PA).  Ele diz ainda que em 2020, foi registrado um recorde no número de armas registradas na Polícia Federal, cerca de 180 mil.

A criação da frente foi proposta pela senadora Eliziane Gama (Cidadania-MA), e aprovada pelo Senado na quinta-feira passada (8). É atribuição do grupo formular, editar e apresentar projetos que visam o desarmamento e orientações para regular limitações de compra, porte, uso, registro e transporte de armas de fogo.

 

Tags: