Home»Cotidiano»GIFs removidos após caso de racismo no Instagram e Snapchat

Sem pronunciamento oficial dos apps

0
Shares
Pinterest Google+ Whatsapp

O Instagram e o Snapchat removeram a função de adicionar GIFs a posts neste final de semana. A mudança foi percebida por usuários e nenhum dos dois apps se pronunciou oficialmente sobre o caso. Mas, segundo o site TechCruch, a remoção ocorreu após a descoberta de um GIF racista que aparece ao fazer a busca por “Crime”. A imagem simulava um contador de mortes de negros, rodado por um macaco sob comando de um homem branco, que dizia para o animal continuar o trabalho porque os valores só estavam a aumentar.

Foto: reprodução/publicada por uma usuária no Twitter

O Snapchat foi o primeiro a remover o recurso e de acordo com o TechCrunch, um representante do aplicativo informou que a função, adicionada recentemente, foi suspensa até que a equipe do Giphy, o serviço que fornece os GIFs para as duas plataformas, cuide da situação. O Giphy permite que usuários adicionem imagens animadas em suas postagens mas seu termo de serviços informa que não são permitidos posts com itens abusivos, obscenos, ofensivos ou vulgares. Segundo a declaração de um representante do Giphy ao site Engadget, o conteúdo racista foi incluído devido a um problema no filtro de moderação de conteúdo, mas já foi removido do banco de dados. Além disso, a equipe estaria revisando cada imagem manualmente e o trabalho deve ser concluído em breve.

Newsletter do Jornal Diário do Estado – Assine já!

Comente á vontade!