Jornal Diário do Estado

Governo de Goiás apresenta projetos a executivos do Banco do Brics

Parte da comitiva goiana em território chinês esteve em audiência com a presidente do NDB, Dilma Rousseff, e demais executivos, para apresentar portfólio de projetos estruturantes do estado

Uma parte da comitiva do Governo de Goiás que está em solo chinês desde o último dia 8 de junho, esteve nesta segunda-feira (19/06) em audiência com a presidente do New Development Bank (NDB), Dilma Rousseff, e com os executivos do banco em Xangai para apresentar um portfólio de projetos estruturantes que necessitam de aporte de recursos para execução. A reunião no Banco do Brics, como é conhecido, foi coordenada pelo subsecretário de Governança da Secretaria-Geral de Governo, Leonardo Saad, que aproveitou a oportunidade para apresentar seis projetos em quatro diferentes eixos.

“Foi um primeiro contato muito animador pois ouvimos da equipe do NDB que há um empenho em contemplar projetos inovadores vindos do Brasil. A própria presidente Dilma Rousseff nos informou que está buscando ideias inovadoras para integrar a carteira de investimentos, colocando o Brasil com destaque na linha de apoio do banco”, adianta Saad. O Brics é uma organização de países de mercado emergentes formado por Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul para o desenvolvimento econômico.

Em primeiro contato com executivos do NDB, o Estado apresentou projetos estruturantes idealizados pelo Governo de Goiás, ou que contam com apoio direto do Executivo goiano para a sua execução. Em termos de mobilidade urbana foram elencados três projetos que priorizam a sustentabilidade: o BRT de Luziânia; a frota elétrica do BRT Anhanguera; e a reforma do Eixo Anhanguera. Também foram apresentados projetos de agricultura irrigada voltada à fruticultura no Vão do Paranã, bem como obras de infraestrutura na área do transporte, energia, tecnologia e inovação.

“Estamos voltando com muito fôlego para estruturar de maneira consistente um processo de captação de recursos dentro dos moldes solicitados pelo NDB e promovermos os avanços nestes eixos estruturantes que contribuem para a modernização do Estado como um todo”, avalia Saad.

Aporte aprovado

Durante a reunião no NDB, a comitiva goiana foi informada de que projetos de Aparecida de Goiânia, apoiados pelo Governo de Goiás, receberam a aprovação do Comitê de Investimento e Crédito e estão sob deliberação do Colegiado de Diretores (Board of Directors) para sua aprovação. Ao todo, U$ 150 milhões foram pré-aprovados para serem investidos em dois eixos: infraestrutura de transportes e infraestrutura social; sendo U$ 120 milhões financiados pelo NDB e outros U$ 30 milhões de contrapartida da Prefeitura de Aparecida de Goiânia.

Na parte de transportes, estão contemplados a pavimentação asfáltica, drenagem e obras de arte. Em termos de infraestrutura social estão contempladas a construção de 15 escolas e a revitalização de quatro parques municipais.