Gustavo Mendanha paga o reajuste salarial dos professores

O gestor anunciou que atenderá demandas da categoria.

Na manhã desta última quarta-feira, 28, o prefeito Gustavo Mendanha se reuniu com o secretário de Educação, professor Divino Gustavo para tratar de pautas de interesse da pasta. A reunião também contou com a presença do presidente regional do Sindicato dos Trabalhadores da Educação em Goiás (SINTEGO), professor Valdeci Português. O gestor anunciou que atenderá demandas da categoria.

Uma dessas demandas que será atendida é o pedido de incorporação ao vencimento salarial dos professores e os reajustes do piso referentes aos anos de 2019 e 2020, que estão sendo pagos por meio de medida judicial. O prefeito afirmou que recomendará que a Procuradoria Geral do Município (PGM) elabore parecer jurídico e encaminhe à Câmara Municipal para aprovação em forma de Projeto de Lei Complementar para que seja feita a alteração no mês de maio.

Sobre os servidores do quadro administrativo da SME, o prefeito anunciou, que na folha de maio, será feito o pagamento de 90 Progressões Verticais e de 310 Titularidades. Os números são dos servidores que entraram com processo de solicitação do benefício e que tiveram parecer favorável antes do dia 20/03/2020, e que por isso, estão aptos a receber.

Após esse período, com a lei do congelamento estabelecida pelo Governo Federal, a prefeitura não pode conceder aumentos que sejam contrários à Lei Complementar Federal 173/2020.

Na reunião também foram discutidos temas como eleições para gestores e realização futura de um processo seletivo para contratação de professores. Sobre as eleições, o secretário apresentou um calendário que segue de abril a novembro para a execução do pleito dentro das normas da Lei Municipal 3.446/2018 que estabelece as prerrogativas para as campanhas e determina o perfil dos interessados em participar da disputa aos cargos de diretor e de coordenador geral das escolas e CMEIs da Rede Municipal de Educação.

 

Tags: