Incêndio em centro para dependentes químicos mata 11, em Carazinho

Fogo atingiu a instituição no final da noite desta quinta, 23. Dez pessoas morreram no local e outras duas precisaram ser levadas até hospitais da cidade

Ao menos 11 pessoas morreram após incêndio de grandes proporções atingir um Centro de Tratamento e Apoio a Dependentes Químicos (Cetrat) em Carazinho, no Norte do Rio Grande do Sul, nesta quinta-feira, 23. Dez delas morreram no local e uma precisou ser internada em um hospital da cidade em estado grave. Todos eram homens.

Tentativa de fuga

Segundo o Corpo de Bombeiros, o combate ao fogo começou no final da noite, e a corporação está no local trabalhando na busca por vítimas e feridos na instituição de Carazinho.

• Compartilhe essa notícia no Whatsapp• Compartilhe essa notícia no Telegram

Conforme informações dos militares, no local estavam pelo menos 15 pessoas. Algumas das vítimas foram encontradas em uma área de dormitórios e próximas às janelas, o que pode indicar que eles tentavam sair do local. Às janelas não tinha grades mas era pequenas, por onde uma não pessoa não conseguia passar.

LEIA TAMBÉM

• Senado: Romário lidera no RJ, Flávia Arruda está à frente no DF• Pesquisa Ipec: PT lidera em São Paulo e PL, no Rio de Janeiro• Vídeo: Incêndio em Igreja do Egito deixa pelo menos 41 pessoas mortas

Parte consumida pelo fogo era de madeira. (Foto: Divulgação/Corpo de Bombeiros)

Duas pessoas foram levadas ao hospital para atendimento médico, uma delas está em estado grave e uma estável. Outras duas conseguiram sair do local sem ferimentos.

Ainda não se sabe o que teria causado o incêndio.

Tags: