Jornal Diário do Estado

Jornalista da Band é agredida pelo ex-marido e atual namorada dele

Repórter conta que a namorada de seu ex-marido começou a agredi-la com um tapa na frente de várias outras pessoas e da criança que ela tentou defender

Nesta quinta-feira, 28, a jornalista Duda Elisa, repórter da Band, em Minas Gerais, publicou em seu perfil no Instagram o relato de uma agressão que sofreu de seu ex-marido e da atual namorada dele em sua comemoração de aniversário. No vídeo, ela aparece com ferimento na sobrancelha e visivelmente abalada. De acordo com seu relato, já é a terceira agressão sofrida pelo ex, sendo que a primeira aconteceu enquanto estavam juntos.

Entenda o caso

“A primeira agressão que eu deixei passar, eu fingi para o mundo todo que não foi ele, porque ainda estava no relacionamento. A segunda agressão desencadeou a minha separação e consegui fazer o boletim de ocorrência, mas pensando em minha filha, eu não pedi a medida protetiva, fiquei com medo dela ficar sem ele e tudo ficar mais difícil, pois ele já estaria em nossa casa mais”, narra, mostrando também manchas vermelhas no pescoço e no colo.

Ela explica que os dois entraram em conflito sobre quem buscaria a filha deles no balé no dia anterior e, que por não saber se ele a buscaria, ficou lá até o final para a filha não ficar sozinha. “Ele chegou lá com a namorada e falei com minha filha ir com eles, mas ele dificultou eu falar com ela, puxou ela e começou a gritar para todo mundo: ‘amanhã você não vai para aula porque sua mãe é uma irresponsável que não trouxe sua mochila'”, relata.

A jornalista conta que a namorada de seu ex-marido começou a agredi-la com um tapa na frente de várias outras pessoas e da criança no que ela tentou se defender. “Ao invés dele separar a gente, pela terceira vez ele me agrediu, e dessa vez ele tentou me matar”, afirma relatando que o ex-marido tentou enforcá-la e a jogou no chão desferindo socos em sua cabeça, com ajuda da atual namorada.

Ela já acionou a Polícia Militar do Estado de Goiás (PMMG) já determinada a pedir a medida protetiva para não ser agredida novamente. Os dois agressores foram detidos em flagrante, mas na delegacia tanto o ex-marido como sua atual namorada foram liberados pelo delegado de plantão da Polícia Civil de Minas Gerais (PCMG) por entender que ocorrido tratava-se apenas de conflito com lesão corporal leve. “Não aconteceu nada com ele, gente, ele saiu de lá rindo, debochando”, conta aos prantos.

Comunicado da PMMG

Em comunicado no perfil oficial da Polícia Civil de Minas Gerais, o órgão apenas explica que o ocorrido tratava-se de uma briga entre os envolvidos. “Uma mulher de 27 anos acusou o ex-marido e sua atual namorada de terem praticado agressões contra ela, Já o casal alegou que a vítima teria iniciado as agressões contra a atual companheira do ex-marido. O homem, por sua vez, alegou ter agido apenas separando as envolvidas”, diz a nota.

Em sua última postagem, Duda Elisa afirma que contatou um advogado para cuidar do caso junto à Justiça e que não vai desistir dela, além de agradecer o apoio que tem recebido desde que publicou seu relato.