Home»Poder»Ministra Cármen Lúcia vistoria presídio hoje

Depois de inspecionar o presídio em Aparecida de Goiânia, a ministra pretende ir aos presídios do Paraná e do Acre ainda no mês de janeiro

0
Shares
Pinterest Google+ Whatsapp

A presidente do Supremo Tribunal Federal(STF) e do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), ministra Cármen Lúcia chega hoje a Goiânia para participar de uma reunião no Tribunal de Justiça de Goiás com o desembargador Gilberto Marques Filho, com o corregedor-geral de Justiça, desembargador Walter Carlos Lemes; com os juízes da área de Execução Penal, representantes do Ministério Público, Defensoria Pública, Ordem dos Advogados do Brasil e representantes da Segurança Pública.

A reunião acontece no TJ-GO (Tribunal de Justiça de Goiás), na região central de Goiânia. Cármen Lúcia chegou ao local por volta das 9h30. Estava prevista inicialmente a visita de Cármen Lúcia ao complexo prisional de Aparecida de Goiânia, mas a visita pode ser cancelada, por questões de agenda, informou a assessoria do TJ-GO.

Cármen Lúcia vai agendar reunião com o ministro da Justiça e Segurança Pública, Torquato Jardim com os governadores dos 26 Estados e do Distrito Federal para tratar da crise no sistema prisional. A ministra já havia demonstrado interesse em vir a Goiás inspecionar o Complexo Prisional de Aparecida no ano passado, mas por recomendação do governador Marconi Perillo adiou a visita.

A visita ao presídio goiano seria a primeira de uma série que a ministra Cármen Lúcia pretende fazer este mês. Depois de Aparecida de Goiânia, ela irá aos presídios do Paraná e do Acre.

Cármen Lúcia prometeu que até abril deste ano, o Banco Nacional de Monitoramento de Prisões deverá ser estendido a todos os Estados brasileiros. A plataforma desenvolvida pelo CNJ reúne informações processuais sobre presos custodiados pelo Estado e já foi implantada em Roraima.

Newsletter do Jornal Diário do Estado – Assine já!

Comente á vontade!