Jornal Diário do Estado

Morre Gal Costa, uma das maiores vozes da música brasileira

Aos 77 anos, Maria da Graça Costa Penna Burgos faleceu, em informação confirmada pela assessoria; causa da morte ainda não foi divulgada

Na manhã desta quarta-feira, 9, a música brasileira acordou mais triste. Gal Costa, uma das maiores cantoras de sua geração, morreu aos 77 anos. A morte teve confirmação da assessoria da artista, que não revelou a causa exata do falecimento. No entanto, vale mencionar que ela participaria do festival Primavera Sound, mas precisou se ausentar no último momento para retirar um nódulo da fosse nasal direita, interrompendo a programação de shows.

Quem foi Gal Costa?

Gal Costa foi sem dúvidas uma das cantoras mais importantes da música nacional. Natural de Salvador, capital da Bahia, a artista iniciou a carreira como balconista de uma loja de discos. Na década de 1960, conheceu ninguém menos que Caetano Veloso, desenvolvendo uma amizade intensa com o mesmo.

Ao lado de Caetano, Maria Bethânia e Gilberto Gil, Gal Costa integrou a banda Doces Bárbaros. Participou ativamente do movimento tropicalista e rapidamente se alçou como uma das peças centrais da Música Popular Brasileira (MPB).

Entre os grandes sucessos de Gal Costa, destacam-se “Chuva de Prata”, “Baby”, “Aquarela do Brasil” e “Palavras no Corpo”. Em 2012, foi eleita pela revista Rolling Stone como a sétima maior voz da música brasileira.

Quanto à vida pessoal, a cantora nunca foi oficialmente casada, mas nutriu diversos relacionamentos com homens e mulheres. Com obstrução nas trompas, em 2005 adotou um menino de dois anos de idade, Gabriel Costa Penna Burgos, que sofria de raquitismo.