Motoristas de ônibus entram em greve na terça-feira (11)

O sindicato alega que tanto a vacinação do grupo quanto a realização da data-base estão atrasadas

Os motoristas de ônibus da região metropolitana de Goiânia entrarão em greve a partir desta terça-feira (11). A confirmação foi dada pelo presidente do Sindicato dos Trabalhadores do Transporte Coletivo de Goiânia e Região Metropolitana (Sindicoletivo), Sérgio Reis de Araújo. Segundo ele, dentre as 50 propostas não atendidas, estão a vacinação desse grupo e a data-base, atrasada desde março.

Sobre a data-base, o presidente do sindicato disse que a de 2020 não teve o ajuste retroativo, e a deste ano, nem foi feita ainda, pois os empresários alegam não terem recursos.

“Não houve tentativa de negociação nem por parte do Sindicato das Empresas de Transporte Coletivo Urbano de Passageiros de Goiânia (SET) e nem por parte do Estado”, lamentou. De acordo com Sérgio, na categoria há alta taxa de mortalidade, chegando a 8%. “O governo diz que é prioridade, mas não tem uma agenda de vacinação.”

Tags: