Home»Poder»Mourão cobra demissão de Marun
0
Shares
Pinterest Google+ Whatsapp

O vice-presidente, Hamilton Mourão, classificou como um “prêmio” de Michel Temer a Carlos Marun a nomeação do ex-ministro para Itaipu Nacional. De acordo com o general, “não é ilegal, mas não foi ético”. Mourão defende que o ato seja revisto. As declarações foram publicadas no blog de Andéia Sadi.

De acordo com o vice, o assunto pode ser discutido na reunião ministerial desta quinta-feira (3).

“Pode não ser ilegal, mas não foi ético. Todo mundo sabe que o ex-presidente fez isso como prêmio. Depende (a anulação do ato ou não) do presidente, amanhã na reunião ministerial pode ser um tema, Onyx ficou de levar o que precisa ser feito”, disse Mourão.

Newsletter do Jornal Diário do Estado – Assine já!

Comente á vontade!