Jornal Diário do Estado

Mulher trans vence o Miss Holanda e vai concorrer ao Miss Universo

Rikkie Valerie tem 22 anos e foi nomeada Miss Holanda no último sábado, 8, recebendo a coroa de sua antecessora, Ona Moody

Rikkie Valerie Kollé é o nome da primeira mulher transexual a vencer o Miss Holanda, e que vai concorrer o Miss Universo deste ano de 2023. Ela tem 22 anos e foi nomeada Miss Holanda no último sábado, 8, recebendo a coroa de sua antecessora, Ona Moody, no Teatro AFAS, em Leusden.

Em seu perfil no Instagram, Rikkie Valerie comemorou sua vitória na competição de seu país. “EU CONSEGUI!! Sim, sou trans e quero compartilhar minha história, mas também sou Rikkie e é isso que importa para mim”, declarou ela.

A Miss Holanda, descendente de indígenas molucanos, é natural da cidade de Breda, entre Rotterdam e Antuérpia. Apesar da novidade de ter uma mulher trans na competição do Miss Universo, o caso não é o primeiro no evento em âmbito internacional.

Angela Ponce foi a primeira mulher trans competidora no Miss Universo, representando a Espanha, em 2018. A competição tem 71 anos e pessoas trans podem participar desde 2012.

Além de Angela e Rikkie, outras mulheres trans participaram de concursos preliminares nos últimos anos, como a ex-Miss Nevada, Kataluna Eriquez, que foi a primeira pessoa trans a concorrer ao Miss Estados Unidos, e Daniela Arroyo González, que vai competir pelo Miss Porto Rico, no próximo mês.