Nova variante da covid-19 é detectada em Israel e outros dois países

Segundo as informações a nova variante é potencialmente muito contagiosa e possui um alto número de mutações

Foi anunciado pelo Ministério da Saúde de Israel nesta sexta-feira (26) a identificação de um caso da nova variante do coronavírus descoberta na África do Sul, a B.1.1.529, e foi bloqueada a entrada de pessoas de sete países africanos.

Segundo a pasta, um caso foi detectado em uma pessoa que veio do Malaui, além deste caso já confirmado, mais dois casos estão sendo investigados e aguardam os resultados dos exames feitos. As duas pessoas suspeitas estão cumprindo isolamento. Segundo o ministério da saúde, eles seguem monitorando a situação do país diante a nova variante.

• Compartilhe essa notícia no Whatsapp• Compartilhe essa notícia no Telegram

Nova Variante

A nova variante B.1.1.529 do novo coronavírus foi anunciada nesta quinta-feira (25), pelo virologista brasileiro Túlio de Oliveira durante uma coletiva de imprensa online supervisionada pelo Ministério da Saúde da África do Sul.

A nova cepa foi identificada pela primeira vez  em Botsuana, no sul da África, e tem preocupado cientistas por ter mutações que dão vantagens ao vírus. Até o momento, foram registrados 77 casos da nova variante na África do Sul, principalmente em jovens, além de 4 casos Botsuana foram detectados 1 caso em Hong Kong (uma pessoa que voltou de viagem da África do Sul) e 1 em Israel.

Foi a equipe do instituto de pesquisa do virologista Túlio de Oliveira, o KRISP, que é vinculado à Universidade de Kwazulu-Natal que descobriu a variante Beta uma das quatro cepas consideradas de preocupação global pela Organização Mundial da Saúde (OMS).

Tags: