Ocorrências relacionadas ao uso de cerol aumentam 79% em comparação ao ano passado

Linhas cortantes apreendidas chegam a 750 quilômetros e equivalem à distância de Goiânia até Correntina, na Bahia

O balanço parcial da operação “Pipa sem Cerol” mostrou que 1562 pipas e mais de 2500 latas de linhas cortantes foram apreendidas durante o período da pandemia do novo coronavírus. As linhas cortantes apreendidas chegam a 750 quilômetros e, se colocadas em linha reta, equivalem à distância de Goiânia até o município de Correntina, na Bahia.

Desde o mês de março, houve um aumento de 79% de ocorrências a respeito do uso de cerol e outras linhas cortantes, realizadas pela Guarda Civil Metropolitana (GCM), em relação ao mesmo período do ano passado. Em 2019 foram 159 ocorrências contra 285 neste ano.

Todo o material recolhido é enviado para uma empresa parceira da corporação, que recicla parte dos objetos e descarta o que não pode ser reutilizado. O material reciclado, como pipas e linhas puras, é doado para comunidades carentes.

Tags: