Papa Francisco pede o fim do “naufrágio civilizacional”, na Grécia

Em visita à Ilha de Lesbos, o líder religioso visitou o país buscando uma melhora na integração de imigrantes no continente europeu

Neste domingo (5), o Papa Francisco viajou até Lesbos, na Grécia, para pedir uma melhor integração dos imigrantes na Europa que, segundo o pontífice, luta para demostrar solidariedade.

Desde o início da viagem de Franscisco à Grécia, o Papa, acolhido por muitas famílias exiladas no local, sua visita é marcada por visitas ao campo de Mavrovouni entre outros. Marovouni ainda abriga cerca de 2.200 requerentes de asilo, em condições difíceis, quase 70% afegãos e um terço menores.

• Compartilhe essa notícia no Whatsapp• Compartilhe essa notícia no Telegram

“Estou aqui para vos dizer que estou perto de vós, estou aqui para ver os vossos rostos, para olhar nos vossos olhos: olhos cheios de medo e esperança, olhos que viram violência e pobreza, olhos cheios de muitas lágrimas”, declarou em seu Twitter.

Após saudar calorosamente os imigrantes durante um passei pelo campo, o Papa entregou uma mensagem dura afirmando que a imigração “é um problema mundial” e “uma crise humanitária que afeta a todos”.

Não vamos deixar o ‘mare nostrum’ [nosso mar] transformar-se num desolado ‘mare mortuum’ [mar de morte], nem deixar este ponto de encontro tornar-se uma cena de conflito. Eu imploro: vamos parar este naufrágio da civilização”, apelou diante dos representantes dos refugiados e dá a presidente grega, Katerina Sakelaropulu.

O Papa Francisco ainda alertou que “os fechos (de fronteiras) e os nacionalismos, como a história nos ensina, levam a consequências desastrosas” e criticou que “a questão da imigração é sempre delegada a outros, como se ninguém se importasse e fosse apenas um fardo inútil que alguém é obrigado a carregar, a tolerar”.

O cuidado na viagem do Papa Francisco

Quase 900 policiais foram deslocados para a ilha, enquanto faixas e bandeirolas estavam espalhados pela cidade de Mitilene e nos arredores do campo para dar as boas-vindas ao Papa Francisco. Num ambiente muito caloroso, o pontífice saudou as famílias presentes, abençoando incluindo muitas crianças.

“Bem-vindo!”, “Nós te amamos”, foram algumas das palavras proferidas pela multidão. Francisco foi saudado por uma multidão de migrantes que se aglomeraram entre as tendas do acampamento do local.

Tags: