PC prende suspeitos de homicídio ocorrido em novembro

A Polícia Civil cumpriu hoje (14) mandados de prisão temporária contra dois suspeitos de assassinar Tiago Urso Lina Batista. O crime ocorreu no dia 20 de novembro de 2016, no setor Negrão de Lima, em Goiânia.

Os suspeitos, Alex Ferreira da Cunha conhecido como ‘Pixote’ e Eduardo da Veiga Nascimento conhecido como ‘Dudu’, são usuários de crack e a droga teria sido motivo de briga entre os três. Alex ficou bastante ferido e a fim de se vingar da vítima pediu para que Eduardo, líder do tráfico de drogas na região e filho de sua namorada, executasse Tiago.

• Compartilhe essa notícia no Whatsapp• Compartilhe essa notícia no Telegram

Segundo as investigações, Eduardo foi convencido a cometer o crime, pois, Alex afirmou que Tiago passou informações sobre outro crime praticado por Dudu. Porém, Eduardo persuadiu um menor a executar a vítima.

De acordo com o delegado da Delegacia Estadual de Investigação de Homicídios (DIH), Alex foi preso no dia 1º de março. Eduardo, que ordenou o crime, foi preso em dezembro do ano passado suspeito de outro homicídio, ocasião em que também foi autuado em flagrante por tráfico de drogas. Com ele, a polícia encontrou meio quilo de cocaína e duas armas de fogo. A suspeita é de que uma das armas foi usada no assassinato de Tiago em novembro.

Tags: