Pirenópolis proíbe a entrada de turistas

Bares e restaurantes só podem funcionar no período de 9h às 15h ou das 16h às 22h

Nesta quinta-feira, 15, a Prefeitura de Pirenópolis publicou um novo decreto proibindo a entrada de turistas em hotéis, pousadas e casas de temporada neste final de semana. Também foi vetada a venda de bebidas alcoólicas com o objetivo de evitar o contágio da Covid-19.

O documento assinado pelo prefeito Nivaldo Antônio de Mello (PP) acompanha o decreto estadual, divulgado dois dias antes, que proíbe atividades não essenciais aos finais de semana. A diferença é que o documento estadual tem validade de 14 dias e o Pirenópolis pode ser revisto na próxima semana, conforme a situação da saúde do município.

Turistas que estão hospedados em Pirenópolis desde antes da publicação do documento, a estadia pode continuar até domingo, 18. O acesso a cidade será fiscalizado na entrada do município, que só será liberada a quem apresentar comprovante de endereço ou adesivo disponibilizado pela prefeitura para identificar carros da cidade.

Além disso, bares e restaurantes só podem funcionar no período de 9h às 15h ou das 16h às 22h durante a semana.

A prefeitura ainda informou que todas as medidas do último decreto municipal, que foi publicado em 30 de março deste ano, que não estavam em conflito com as regras estaduais, continuam valendo.

De acordo com o último boletim municipal, Pirenópolis conta com 1.249 casos confirmados de Covid, sendo que 1.138 se recuperaram, e há 10 internações por causa da doença. Ao todo, 38 moradores morreram em decorrência do vírus.

Foto: Reprodução

Tags: