Polícia investiga desvio de recursos na contratação de servidores em Barro Alto

Prefeitura foi alvo de buscas dos agentes

A Polícia Civil do Estado de Goiás, em parceria com o Ministério Público (comarca de Barro Alto e Gaeco), deflagrou, na manhã desta sexta-feira, 13, a Operação Metal Granulado, cumprindo 26 mandatos de busca e apreensão em Goiânia e em Barro Alto de Goiás.

Os agentes apuram indícios de fraude a licitação, peculato (desvio de recursos públicos) e organização criminosa praticados no âmbito da administração pública da cidade. Os mandatos foram cumpridos nas residências de sócios de empresas envolvidas em licitações do município, na Câmara Municipal, na Prefeitura e nas secretarias municipais.

• Compartilhe essa notícia no Whatsapp• Compartilhe essa notícia no Telegram

A operação foi coordenada pela Delegacia Estadual de Repressão a Crimes Contra a Administração Pública, que investiga o desvio de recursos públicos em contratações de obras, fornecimento de alimentos, serviço de transporte escolar e locação de veículos e máquinas agrícolas, no período de 2017 a 2020.

Tags: