Home»Cotidiano»Primeiro corpo é identificado após rebelião no presídio de Aparecida

Familiares ainda não tem informações sobre detentos

0
Shares
Pinterest Google+ Whatsapp

Foi identificado nessa quarta-feira (03) pelo Instituto de Identificação/PCGO, o primeiro corpo  carbonizado na rebelião no Complexo Prisional de Aparecida de Goiânia, que aconteceu no primeiro dia do ano. Trata-se de Pablo Henrique da Silva.

O vice presidente da comissão de direitos humanos da OAB, Alexandre Carneiro explicou a demora na identificação dos corpos. “Os presos que não foram identificados foram por causa da condição dos corpos, porque estavam tão deteriorados e como muitos fugiram eles não tiveram identificação de todos. Então temos que aguardar o IML fazer um exame mais minucioso para poder saber quem são eles”.

Newsletter do Jornal Diário do Estado – Assine já!

Comente á vontade!